PF deflagra a 50ª fase da Lava Jato com mandado de busca e apreensão em Salvador

1
118
Foto: Reprodução

A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (23) a 50ª fase da Lava Jato. Batizada de operação Sothis II, a etapa cumpre mandados de busca e apreensão em Salvador e nas cidades paulistas de Campinas e Paulínia.

De acordo com informações preliminares do jornal o Estado de S. Paulo, as medidas cumpridas relacionam-se com as investigações conduzidas no âmbito da 47ª fase que apura o pagamento de vantagens indevidas a agentes públicos e atos de lavagem subsequentes em contratos da Transpetro.

Os mandados judiciais cumpridos nesta manhã foram expedidos pelo Juízo Federal da 13ª Vara Federal de Curitiba, no Paraná.

Fonte: Bocão News

1 COMENTÁRIO

  1. A população da Bahia opina de forma veemente que a Polícia Federal que deflagrou a 50a.(quinquagésima) fase da Lava Jato batizada de Operação Sothis II e que já se encontra em Salvador, que seja estendida essa operação a Cidade de Sento Sé a fim de apurar os desmandos praticados pelo ex-prefeito de Sento Sé Juvenilson Passos dos Santos (PT) durante os anos 2000/2009 que o mesmo ocupou a Prefeitura de Sento Sé em dois mandatos. Diante do descaso dos órgãos que têm o dever de apurar e punir o ex-prefeito de Sento Sé Juvenilson Passos dos Santos(PT) a população da Bahia recorre a OPERAÇÂO LAVA JATO com o propósito de apurar as inúmeras denúncias publicadas e provadas como grande desvio de dinheiro público do MEC e do TCU, contas rejeitadas pelo TCM, em número de 05 (cinco) vezes, No entanto, na nossa Bahia, especialmente em Sento Sé os prefeitos não são punidos e, sim, são agraciados com cargos na Prefeitura de Sento Sé, como ´sucede com o Juvenilson Passos dos Santos (PT) que continua suspensos os seus direitos políticos desde o ano de 2016, foi contemplado com a sua nomeação para exercer cargo público na Prefeitura de Sento Sé como Secretário de Administração realizado, ilegal e ilícitamente , pela sua esposa a Prefeita de Sento Sé Ana Luiza Rodrigues da Silva Passos (PT). A população da Bahia confia na atuação da Polícia Federal e da Operação Lava Jato, porquanto, o MPE e o Promotor de Justiça de Sento Sé continua ausente e silente sem cumprir o seu dever de recomendar á Prefeita de Sento Sé Ana Luiza Rodrigues da Silva Passos que proceda, imediatamente, a exoneração do seu esposo Juvenilson Passos dos Santos (PT), sem deixar de mencionar que a Câmara de Vereadores de Sento Sé diante do silêncio é considerada cúmplice dos crimes de Nepotismo previsto na Súmula Vinculante 13 do STF e a flagrante violação e desrespeito ao que dispõe a Lei 8.429/92, que proibe, terminantemente, o exercício do cargo público de quem esteja com os seus direitos políticos suspensos como é o caso do grande beneficiado Juvenilson Passos dos Santos do partido PT.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui