Antes de deixar ministério, Mandetta faz homenagem à Santa Dulce e pede: “Protege o SUS”

Ex-ministro pediu que uma servidora colocasse a imagem da santa atrás da moldura da foto dele

0
85
(Fotos: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil | divulgação)

O ex-ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, fez uma homenagem à Santa Dulce dos Pobres durante discurso de despedida do Ministério, na quinta-feira (16). Segundo informações do Jornal Folha de S. Paulo, que acompanhou a despedida, Mandetta pediu que uma servidora colocasse a imagem da santa atrás da moldura da foto dele, exposta na galeria da pasta.

Quando fui a Salvador ver o hospital da obra de Irmã Dulce, estava com prefeito ACM Neto e ele se ajoelhou. Eu decidi ajoelhar também e rezar para que ela iluminasse o país. E disse: Irmã Dulce, se a senhora for santa, vou no Vaticano. Achei que ia demorar 30 anos e pagar a promessa lá na frente, mas fui. Chegando lá, o que eu pedi foi: protege o SUS, porque, ao proteger o SUS, a senhora protege muita gente”, afirmou.

A obra dela era uma obra para gente pobre, gente da rua de Salvador, que ela nunca negou, nunca fechou a porta. Tudo o que fizemos aqui foi pensando nos mais humildes. No dia que gente desse ministério me falou como era o ônibus que vinha para cá, o grau de proximidade das pessoas, vamos falar em isolamento social como? O SUS vai pagar a conta de séculos de negligência, de favela, de falta de saneamento básico, de falta de cuidado com o povo mais humilde que é a grande massa trabalhadora desse país. (…) A gente pensa no nosso Brasil e nesse povo daqui e fala: Santa Dulce, nossa senhora, ajuda”, disse o ex-ministro.

Mandetta foi demitido do cargo na quinta, em meio a uma crise no sistema de saúde brasileiro, por causa da pandemia do novo coronavírus. Quem assume a pasta é o médico oncologista e empresário, Nelson Teich.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui