IBGE realiza pesquisa por telefone para conhecer os impactos do coronavírus nas famílias brasileiras

0
25

Em parceria com o Ministério da Saúde, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) será realizada uma nova versão da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílio contínua (PNAD COVID-19). Por causa das medidas restritivas e das orientações de distanciamento social, para evitar a transmissão da doença, a coleta de dados será sendo feita somente por telefone enquanto durar a recomendação de isolamento.

O objetivo é mapear as diversas regiões do país para monitorar casos da doença e os impactos que essa pandemia está causando nas famílias brasileiras. O secretário de atenção primária à saúde do Ministério da Saúde, Erno Harzheim falou sobre a pesquisa.

“Nos próximos meses juntos, nós vamos entrevistar por telefone mais de 200 mil pessoas seguidamente afim de identificar se em algum momento desse período alguma dessas pessoas terá ou não sintomas de coronavírus. Com isso a gente vai ter um mapa claro da incidência, isto é, do número de casos novos do coronavírus que poderão surgir no Brasil nesses próximos meses. Com essa informação, vai ser muito fácil, rápido e adequado tomar decisões de políticas públicas e de assistências”, disse o secretário.

Segundo o IBGE, a pesquisa será realizada durante três meses.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui