“Meu Destino é Sento-Sé” com muita manifestação cultural no Turismo Religioso

0
62

Neste sábado, 04/07, na terceira etapa da campanha titulada: “Meu Destino é Sento-Sé”, a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Turismo convidou a população para conhecer as manifestações culturais, através do Turismo Religioso.

Por causa da pandemia do Coronavírus (COVID-19), a Câmara de Turismo do Vale do São Francisco e o Governo do Estado da Bahia, em parceria com as Prefeituras estão promovendo a campanha “Meu Destino é Brasil”, que tem como finalidade chamar a população para viajar pelo Brasil em 2021, participar das comemorações e conhecer a cultura brasileira.

 

Com isso, vale lembrar que Sento-Sé é um município bastante rico em diversidade de amostras culturais religiosas, ainda, pode-se destacar a procissão, predominante do catolicismo, é um grupo reunido de pessoas caminhando em forma de um cortejo pelas ruas, carregando imagens, discorrendo orações e canções.

Além disso, existe a tradicional festa dos Kongados, que existe há mais de 100 anos, em Sento-Sé. Os dançantes visitam as casas dos moradores, após a missa da ressurreição na igreja Matriz de São José e também fazem uma apresentação na pracinha do bairro Tombador.

Ainda, evidencia-se a Roda de São Gonçalo, que o agricultor promete ao santo uma festa, se tiver sucesso na colheita. A roda é iniciada com todos os participantes parados diante do altar, cantando louvores para o santo e em seguida começa o ritual, com um deles segurando a imagem de São Gonçalo.

Assim sendo, na primeira etapa, foi promovido o Turismo Gastronômico, mostrando um prato característico do município, o peixe de água doce cozido. Já na segunda, a festa em comemoração ao São João, com arrasta pé, concurso de quadrilha e tradição.

O Secretário Municipal de Meio Ambiente e Turismo, Sandro Jatobá explicou que no município existe muitas manifestações “nossa Sento-Sé é muito rica em Turismo Religioso, chamamos atenção em três delas, mas ainda têm as romarias, os festejos dos padroeiros de cada comunidade; as amostras culturais dos caboclos, dos terreiros, dos indígenas e muito mais”, afirmou Jatobá.

Tâmara Tárcia/Ascom PMSSE

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui