Empresários ligados ao turismo querem retorno do horário de verão

0
1

Empresários ligados ao setor de turismo querem convencer o presidente Jair Bolsonaro a abrir mão de uma das primeiras medidas tomadas em seu governo: a extinção do horário de verão, que veio por meio de um decreto ainda em abril de 2019. O grupo acredita que o retorno pode beneficiar o turismo nacional, já que a medida permite a extensão do horário das atividades ligadas ao setor.

Segundo informações do Painel S.A. da Folha, entidades filiadas à Confederação Nacional do Turismo (CNTur) do Paraná, da Bahia e de Santa Catarina vão enviar o pedido ao governo.

A tentativa não é das mais fáceis, já que o presidente sempre reclamou da mudança no relógio, defendendo que ela não gerava economia de energia.

Fábio Aguayo, diretor da CNTur, tem cautela ao falar em potenciais impactos do horário de verão sobre o consumo de energia. “Sabemos que não é uma economia expressiva, mas qualquer coisa é importante para nós neste momento. Além disso, quando se fala em horário de verão, vem uma ideia de preservação na cabeça das pessoas”, diz Aguayo, que também é presidente da Abrabar, associação de bares e casas noturnas.​

Agência Brasil 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui